• CINE COACHING: “À Prova de Fogo” (Filme dublado + Resenha)

    Cine Coaching À PROVA DE FOGO
    Título original:  Fireproof
    Gênero:  Drama
    País/ano:  EUA/2008
    Duração:  110 min
    Diretor:  Alex Kendrick

    RESENHA

    O Cine Coaching À PROVA DE FOGO conta a história de um capitão do corpo de bombeiros exemplar, Caleb, que preza a dedicação e o serviço ao próximo, e é guiado pelo lema dos bombeiros “nunca deixe seu parceiro para trás”. Seu casamento (sua maior parceria), entretanto, vem passando por vários problemas. Ele e sua esposa estão prestes a se separar.

    Tudo começa a mudar quando seu pai lhe dá de presente um diário que contém um desafio a ser realizado em 40 dias, no qual cada dia Caleb tem uma tarefa a cumprir em relação a sua esposa. Durante o desafio, por meio do diário e das atividades nele sugeridas, o bombeiro começa a entender as situações vividas em um matrimônio. Ele muda seu entendimento sobre o que é importante em um casamento e, ao final, compreende verdadeiramente as necessidades de sua esposa, salvando sua relação.

    O filme faz várias referências ao processo de coaching. Caleb é o coachee, seu pai e outro bombeiro fazem os papéis de seus coaches informais. Percebe-se que os coaches não dizem o que Caleb deve fazer, pois nesse caso, seria mentoring ou aconselhamento, mas fazem perguntas que o ajudam a compreender o que é importante e o que ele realmente quer para sua vida.

    O diário que Caleb ganha de seu pai mostra-se uma excelente ferramenta no processo. Percebe-se no filme a necessidade da persistência, de acreditar no coaching e de viver um dia após o outro. Vê-se que as atividades propostas pelo diário são muitas vezes simples, mas que no conjunto promovem uma poderosa mudança que norteia o bombeiro para o alcance de sua meta. O filme também mostra como é relevante perdoar e seguir em frente e, se fizer sentido, reconhecer para o outro que errou. Deve-se estudar o terreno e entender as necessidades daqueles que fazem parte do alcance de seus resultados, da mesma forma ressalta que não se deve esperar recompensas ou reconhecimento dos outros. Deve-se realizar o processo e enfrentar as mudanças por si mesmo.

    Veja o filme e inspire-se!

     

    Artigos Relacionados

    Tag do Artigo

2 Respostas

  1. Muito interessante o seu post. É importante que
    continue mantendo a boa qualidade de seu material, o que é complicado atualmente na web.
    Sempre entro aqui para aprender mais. Eu tenho uma dúvida,
    como eu faço para curtir esse tópico no G+? Parabéns!

    • ÉVORA FERRAZ ÉVORA FERRAZ disse:

      Olá, que bom que gostou. Ficamos muito felizes em ajudar e em receber seu feedback. Já se cadastrou para receber nossos conteúdos? Sempre temos novidades, informações sobre coaching, PNL e Inteligência Emocional. Forte Abraço, Évora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *